10 passos para uma viagem internacional bem planejada

August 8, 2016

 

Para uma viagem ser legal, há muitas variáveis, mas a mais importante delas ocorre antes mesmo de você sair de casa: o planejamento. Isso se aplica para qualquer passeio, mas quando o destino é internacional, há mais itens nos quais você precisa prestar atenção.

 

Não estamos falando apenas dos pontos turísticos, do hotel, dos restaurantes e das atividades que você pretende experimentar no país que irá visitar. Em viagens internacionais, há mais passos e pesquisas a fazer. Confira as dicas:

 

1) O primeiro passo é conferir onde está o seu passaporte (principalmente se faz tempo que você não o utiliza) e, quando achar, ver se ele está dentro da validade. Seu passaporte deve ser válido para até seis meses depois da data que você irá entrar no país de destino. Caso não esteja, providencie um junto à Polícia Federal, lembrando que o órgão está demorando mais tempo que o habitual para emitir o documento.

 

2) Em alguns casos, o país exige visto de turista e é preciso requisitá-lo junto às embaixadas o mais rápido possível.

 

3) Dependendo de onde você vai, é preciso tomar vacinas ou medicações que previnem contra várias doenças. O site do Centro de Controle e Prevenção de Doenças lista as orientações de saúde exigidas por cada país. Se você toma algum remédio continuamente, garanta que você tem o suficiente para todo o período de sua viagem. Pode ser difícil encontrar seu medicamento habitual em farmácias estrangeiras.

 

4) Pesquise sobre possíveis alertas e eventos que podem estar ocorrendo no seu país de destino, como risco de terremotos e outros desastres naturais. Leve anotado em um papel o endereço e o telefone da embaixada do Brasil para o caso de qualquer emergência.

 

5) Prepare suas finanças, ligando para seu banco e a operadora de seu cartão para avisar onde você vai estar. Caso você não faça isso, por razões de segurança, a empresa pode bloquear seu cartão ao perceber gastos no exterior. Preste atenção na cotação da moeda e no quanto as coisas mais básicas custam, para programar um gasto diário. Uma boa dica é, no fim do dia, anotar tudo o que você gastou.

 

Foto: Torre Eiffel | Acerto Wix 

 

 Não esqueça os adaptadores!

 

6) Faça cópias de seu passaporte, pelo menos uma delas colorida. Leve em um lugar seguro e separado do documento original. Copie, também, seu visto, sua reserva do hotel e sua confirmação do bilhete de avião, trem ou ônibus. Claro que é mais inteligente e prático ter tudo isso digitalizado no celular, mas lembre de salvá-los no cartão de memória, para não ter de depender da internet.

 

7) Tire uma carteira de habilitação internacional se for viajar de carro no país de destino. Seu documento brasileiro não vale absolutamente nada no exterior. Estude sobre as leis de trânsito e contate a embaixada do seu destino no Brasil para ter informações sobre regras oficiais.

 

8) Compre adaptadores, pois há mais de dez tipos de tomadas ao redor do mundo e você pode ficar empenhado para carregar seus dispositivos eletrônicos. Cheque também a voltagem e se seus eletrônicos são compatíveis – caso contrário, será preciso levar também um transformador.

 

9) Nas semanas antes da viagem, aprenda frases-chave para conseguir se comunicar minimamente na linguagem local. Há pequenos livros dos quais você pode pinçar dicas antes de dormir e até CDs e MP3 que você pode ouvir e repetir enquanto está dirigindo. Foque em saber como informar sobre suas alergias ou condições médicas, se as tiver. Se não conseguir aprender, leve uma “colinha” escrita em um caderninho.

 

10) O seguro viagem que você contratar deve ter cobertura internacional. Assim, caso você tenha um problema de saúde ou tenha a bagagem extraviada, o seguro cobre – e você pode conseguir, dependendo do serviço, até ser atendido em português.

Please reload

Posts Em Destaque

Cartão de Crédito na Europa? Cuidado com a "dupla conversão"

May 5, 2019

1/3
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags
Siga