12 hábitos que tornam sua viagem mais cara que o necessário

October 1, 2016

Independentemente do destino, seja ele nacional ou internacional, turistas sempre tem algo em comum: gastar mais do que realmente é necessário!!

 

 

Pequenas mudanças no seu hábito poderão tornar sua viagem muito mais proveito$a . Para ajudar, preparamos essa lista de coisas que fazem você gastar muito durante uma viagem e algumas dicas para economizar dinheiro – quem sabe, assim, você possa até ficar mais tempo no seu destino? Confira:

 

Viajar em finais de semana

Viajar durante um fim de semana pode ser mais conveniente, mas é bem mais caro. Se você está planejando uma saidinha rápida ou um longo feriadão, dá para economizar bastante se você comprar passagens aéreas para o meio da semana. Da próxima vez que você checar as opções de voo, veja o quanto pode pagar a menos se viajar entre segunda e quinta, em comparação com sextas e sábados.

 

Alugar um carro no aeroporto

Do seguro exorbitante até o custo com equipamento GPS ou cadeirinhas de criança, alugar um carro no aeroporto pode ser uma pequena fortuna. Reservando tudo antes de partir, você pode poupar significativamente.

 

Viajar apenas em voos diretos

Definitivamente, voos diretos são a maneira mais rápida e conveniente de viajar, mas pode custar muito mais. Se está buscando uma opção barata, você pode economizar bastante se procurar voos com escalas ou conexões. Em vez de enxergar isso como algo ruim, aproveite a parada, se ela for longa, para conhecer um pouco da cidade que você não visitaria em outra circunstância. Se for curta, o lado bom é que uma partezinha do dinheiro que você poupar pode ser usada em algumas compras nas lojas duty-free dos aeroportos.

 

Utilizar seu cartão de crédito internacional

É sempre bom ter um cartão pré-pago ou de crédito consigo na viagem já que são uma forma fácil e segura de carregar dinheiro e podem ser realmente úteis em uma emergência. Muitas vezes optar pelo cartão pré pago pode ser a melhor opção, já que muitas operadoras de cartão de crédito impõe taxas extras e cobranças por transações internacionais, o que significa que podem sair muito caro. 

 

Fazer câmbio no aeroporto

É sempre uma boa ideia ter algum dinheiro “vivo” quando viaja, especialmente se planeja pegar táxis ou dar algum tipo de gorjeta. Porém, você não terá a melhor taxa de câmbio se esperar chegar até o aeroporto para trocar seu dinheiro. Para economizar, pesquise a melhor cotação e pegue seu dinheiro antes de viajar.

 

Comer fora em todas as refeições

Ir a restaurantes durante feriado ou férias podem custar uma pequena fortuna, especialmente se você está viajando com toda a família. Em vez de pagar caro por três refeições ao dia, tente optar por acomodações que incluem café da manhã no preço da diária: aproveitá-lo ao máximo vai fazer você se sentir satisfeito durante boa parte do dia. Outra dica é: em vez de pagar cafés, águas e snacks caros nas lanchonetes, compre no supermercado e leve na mochila. Mas se não quiser abrir mão de comer fora, prefira o almoço do que o jantar, pois ao meio-dia os menus são mais em conta.

 

Comprar bilhetes individuais de trem e ônibus

Visitar uma cidade com bom transporte público é ótimo para apreciar paisagens e especial para quem está com o orçamento apertado. Mas à maioria de nós não ocorre perguntar ao motorista ou ao operador do trem como economizar ainda mais. Em vez de comprar bilhetes individuais, pesquise para verificar se não há opções diárias ou semanais. Isso pode ajudá-lo a poupar dinheiro e evitar perder tempo ao comprar passagens a cada vez que você precisar se deslocar.  Não esqueça que se você for estudante, idoso ou tiver alguma necessidade especial, há ainda mais descontos disponíveis.

 

Viajar durante a alta temporada

Sim, a gente sabe que é tentador marcar uma viagem nos períodos de alta temporada. Para alguns destinos o que importa é o sol radiante e para outros a congelante neve, mas lembre-se que é possível viajar mesmo com pouca grana para bons destinos em períodos de baixa temporada que são sempre mais baratos e mais tranquilos.

 

Contratar um novo seguro-viagem a cada viagem

Pagar por um contrato de seguro-viagem que só cobre as datas que você estará fora pode parecer o melhor custo-benefício. Mas se você planeja viajar mais de uma vez por ano, um seguro anual pode sair mais barato.

 

Comprar comida no aeroporto ou no avião

Comida no aeroporto pode ser muito cara – quem nunca pediu um pão de queijo e um suco e pagou mais de R$ 30? -, portanto leve seus lanchinhos com você. Eles são permitidos, ao contrário das bebidas.

 

Realizar ligações internacionais

Voltar para casa depois de uma viagem perfeita já dá aquela tristeza, agora imagine se você se deparar com uma longa e inesperada conta de telefone. Isso pode ser facilmente evitado contatando sua operadora telefônica para avisá-los que está viajando para o exterior. Muitas delas oferecem pacotes especiais e melhores condições de tarifas, mas se quiser economizar mesmo, abuse das redes Wi-fi e fale com amigos através de aplicativos como Whatsapp ou outros que lhe permitam realizar chamadas pela internet.

 

Gastar com mapas e guias de viagem

Comprar guias turísticos e mapas descolados do destino que está visitando é uma ótima ideia, mas normalmente também sai caro. Economize procurando informações na internet e imprimindo os mapas e guias que você gostaria de levar. Você também pode fazer download de vários aplicativos gratuitos de viagem e de geolocalização no seu smartphone, reunindo mapas, rotas e dicas que você pode inclusive acessar offline. Baixe-os antes da viagem, para não gastar seu pacote de dados no exterior.

 


Fonte: News 

Please reload

Posts Em Destaque

Cartão de Crédito na Europa? Cuidado com a "dupla conversão"

May 5, 2019

1/3
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags
Siga