O que fazer em Orlando: dicas para sua viagem

Visto aprovado, passagens compradas, e finalmente chega a parte mais complicada de uma viagem: planejar o roteiro. Geralmente, quem vai para Orlando já tem seu destino principal definido: os parques temáticos da Disney e da Universal, além das visitas aos outlets para aproveitar os descontos. Dependendo do número de dias e do tempo livre que tiver na viagem, você pode aproveitar para encaixar vários outros pontos da cidade no roteiro. Ou se você não quiser visitar os parques, não tem problema. Essa é uma cidade encantadora e que vale a viagem até lá. Confira nossas dicas sobre o que fazer em Orlando:

Parques

O Disney World consiste em um grande complexo composto por 4 parques temáticos: Magic Kingdom, Animal Kingdom, Hollywood Studios e Epcot. Além disso, também tem dois parques aquáticos, o Blizzard Beach e o Typhoon Lagoon; um shopping, o Downtown Disney, mais de 30 opções de hotéis dentro do complexo e cinco campos de golfe.

Já o Universal Resort agrega dois parques: Universal Studios e Islands of Adventure. E além desses dois complexos temáticos, ainda tem o Sea World Parks & Entertainment. Lá você encontra três parques: o Sea World, o Aquatica e o Discovery Cove. O Busch Gardens também faz parte do complexo, mas fica um pouco longe de Orlando, em Tampa (137 km de distância).

E como se não bastasse essa gama de opções, ainda há a Legoland, o complexo onde tudo (até os carros das montanhas-russas!) é feito com peças de Lego. Esse parque fica em Winter Haven, a 40 minutos de distância de Orlando.

Visitar todos esses parques requer muito planejamento, principalmente se você tiver pouco tempo e estiver viajando em família. Isso porque as crianças pequenas, no geral, adoram o Magic Kingdom, o Animal Kingdom e o Universal Studios. Já os adolescentes e adultos vão gostar mais de visitar o Hollywood Studios e o Islands of Adventure. Antes da viagem, tenha todo o roteiro definido para dar tempo de visitar todos os parques que quiser.

Outro ponto a se considerar é o número de visitantes que estarão nos parques. Os resorts ficam cheio o ano inteiro, mas existem dois períodos específicos em que a multidão é maior: entre maio e agosto (verão americano) e entre fim de novembro e o Ano-Novo. Se você planeja viajar nessas datas, prepare-se para a quantidade de filas, que aumentam muito.

Compras

Com valores até 70% menores que os cobrados no Brasil pelos mesmos produtos, não tem como resistir às várias opções de outlets e shoppings que ficam na cidade. Mesmo com o dólar alto, alguns produtos podem valer a pena. As lojas de Orlando têm opções para todos os bolsos e estilos: lá, você encontra outlets de grandes lojas de departamento americanas e também de grifes famosas. Não deixe de visitar o Premium Outlet e o Florida Mall.

Ver o Orlando Magic jogar na NBA

Essa dica vale para qualquer cidade dos Estados Unidos que você vá: assista a um jogo de basquete. E não é apenas pela partida: o esporte é tão tradicional no país americano que ir ao estádio se torna uma experiência única mesmo para quem não é fã. Antes de viajar, pesquise o calendário de jogos do Amway Center e veja se tem alguma partida agendada do Orlando Magic para o período em que você estiver por lá.

Visitar a NASA

Cabo Canaveral está a 85 km de Orlando, mas vale a pena a viagem: é lá que está toda a estrutura da Agência Espacial Norte-Americana, a NASA. O KSC, ou Kennedy Space Center, é o grande centro onde acontecem os lançamentos de foguetes e missões espaciais há mais de 70 anos. Ou seja, todas as missões da Guerra Fria e os astronautas que pisaram na Lua começaram lá. Na área permitida para os visitantes, você pode ver foguetes que já foram para o espaço, conhecer os centros de controle e equipamentos usados nas missões. Se você tiver sorte, pode encontrar astronautas e até ver de perto um foguete ser lançado para o espaço! Se visitar a NASA, entre no site e confira a agenda dos lançamentos.

Nas áreas abertas aos visitantes você irá conhecer centros de controle, dezenas de naves espaciais, trajes e equipamentos originais usados em missões. Se der sorte, você pode até acompanhar o lançamento de um foguete espacial, basta ficar de olho a agenda de lançamentos no site do complexo.

Orlando Eye